Estilos e estratégias de aprendizagem em Educação a Distância: diferenças e semelhanças conceituais

Raíssa Bárbara Nunes Moraes Andrade, Thaís Zerbini
2020 Revista Psicologia  
Resumo As ações educacionais à distância são uma estratégia de ensino em Instituições de Ensino Superior (IES) e de Organizações e Trabalho (O&T). Nesta modalidade, os estilos de aprendizagem fornecem informações para o aperfeiçoamento e a elaboração dos métodos instrucionais. As estratégias de aprendizagem são empregadas em Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVA), enquanto recurso tecnológico que potencializa e amalgama um conjunto de competências e habilidades indispensáveis para o sucesso
more » ... is para o sucesso do aluno. O respectivo estudo objetiva investigar as diferenças e as semelhanças conceituais entre estratégias e estilos de aprendizagem, por meio da validação convergente entre instrumentos que medem tais constructos. Participaram virtualmente do estudo cento e trinta e cinco alunos de uma universidade pública, matriculados em um curso superior à distância. Os resultados indicaram que o conceito de estratégias de aprendizagem, por vezes, se converge com o conceito de estilos de aprendizagem, apresentando baixos índices de correlação em sua maioria. Pesquisas futuras devem buscar promover a revisão dos instrumentos utilizados, a partir das discussões apresentadas nesta investigação. Palavras-chave: educação a distância, estilos de aprendizagem, estratégias de aprendizagem, instituições de ensino superior, características do estudante. Abstract Distance learning is a teaching strategy in higher education institutions (HEIs) as well as organizations and work (O&W). In this modality of instruction, the learning styles provide information for the improvement of instructional methods. Learning strategies are employed in virtual learning environments (VLEs) as a set of indispensable skills and abilities for student success. The objective of this study was to investigate the conceptual differences and similarities between strategies and learning styles through the convergent validation between instruments that evaluate such constructs. One hundred and thirty five students enrolled in a distance learning higher education course from a public university, taking part in this research online. The results indicated that the concept of learning strategies sometimes converges with the concept of learning styles, presenting low correlation indexes in the most part. Future researche should review the instruments from the discussions put forward in this study.
doi:10.17652/rpot/2020.3.17947 fatcat:fmr3afwegnekrllgur6elwbtx4