Bioética de intervenção e o caso das drogas Bevacizumabe e Ranibizumabe para doenças da retina

Flávio R. L. Paranhos
2016 Revista Iberoamericana de Bioética  
A partir dos anos 2000 uma classe de drogas biológicas, os anti-VEGF, mostrou-se bastante eficaz no tratamento de doenças da retina que têm em seu mecanismo fisiopatológico um componente de proliferação vascular importante e que podem levar à cegueira. Duas destas drogas, o bevacizumabe e o ranibizumabe, são bastante semelhantes e têm a mesma eficácia e segurança. Foram desenvolvidas pelo mesmo laboratório e são comercializadas por dois grandes laboratórios por meio de um acordo entre eles.
more » ... rdo entre eles. Entretanto, há grande discrepância de preço entre elas. O objetivo deste trabalho é apresentar a bioética de intervenção como fundamentação para a escolha, ainda que forçada por entidades regulatórias, da droga mais barata. From the year 2000, on a class of biological drugs, the anti-VEGF proved to be quite effective in the treatment of retinal diseases, which have in its pathophysiological mechanism an important vascular proliferation component that can lead to blindness. Two of these drugs, bevacizumab and ranibizumab, are quite similar and have the same efficacy and safety. They were developed by the same laboratory and are commercialized by two major pharmaceutical companies through an agreement made between them. However, there is a big difference in the price of the drugs. The aim of this article is to present the Bioethics of intervention as grounds for choosing the cheaper drug, even if forced to do so by regulatory entities. Bioética, ética clínica, drogas biológicas. Bioethics, clinical ethics, biological medicines.
doi:10.14422/rib.i02.y2016.004 fatcat:cd4nyziimrh5hj36qdafajsmfy