Ciganos nacionais

FLORENCIA FERRARI
2006 Acta Literaria  
RESUMO Este artigo é um ensaio sobre o lugar do cigano em obras literárias produzidas pelo Ocidente. Se o imaginário ocidental vê no cigano um estrangeiro, um ser ambíguo, do qual sente temor ou fascínio conforme a situação, aqui se arrisca um deslocamento do recorte, chamando a atenção para a apropriação da figura do cigano na construção da identidade de duas nações: o Brasil e a Espanha. Servindo-se dessa figura de forma muito diversa, autores dos dois países transformaram o conteúdo da
more » ... o conteúdo da representação do cigano em um valor nacional próprio, comprovando, por outro lado, a ambigüidade e plasticidade da imagem do cigano. ABSTRACT This article is an essay about the place of Gypsy people in literary pieces produced by the Western Civilization. If the Western's imaginary sees the Gypsies as foreigners as much as an ambiguous beings, whom, depending on the situation, they fear or are fascinated with, here we take the chance to displace this interpretation, underlining the assimilation of the gipsy figure in the identity building process of two nations: Brazil and Spain. Using this image in assorted ways, authors from both countries restore the gypsy's representation content into a national value itself, proving, on the other hand, the ambiguity and plasticity comprised in the gypsy's image.
doi:10.4067/s0717-68482006000100007 fatcat:pxd2f5dbrjb2lisojwsduw45nq