Vivendo com a morte: o processamento do morrer na sociedade moderna

Marcos Antonio Mattedi, Ana Paula Pereira
2007 Caderno CRH  
O texto trata do processamento da morte na sociedade moderna; objetiva problematizar as estratégias psicossociais empregadas na sociedade moderna para conviver com a morte. Argumenta-se que a forma como a morte é processada socialmente na sociedade moderna é uma conseqüência de como nos relacionamos com a vida. Partindo do exame das contribuições de Philippe Ariès e Norbert Elias e nos conceitos de individualização formulado por Ulrich Beck e segregação da experiência proposto por Anthony
more » ... o por Anthony Giddens, procuramos demonstrar que quanto menos problemática se torna a morte socialmente, mais angustiante se torna seu processamento para o indivíduo. Para desenvolver este argumento e mostrar como é segregada a experiência de morte, aplicamos a noção de ator-rede que permite a interpretação da justaposição de atores heterogêneos no processamento da morte.
doi:10.1590/s0103-49792007000200009 fatcat:lsr44esyl5ex7ire7evicpzfyy