Identidade e representações sociais de moradores da zona sul da cidade do Rio de Janeiro acerca deles mesmos, dos moradores do subúrbio e dos cariocas

Thamiris Marques, Rosana Ferreira Chalegre, Álvaro Rafael Peixoto, Rafael Pecly Wolter
2020 Interações (Campo Grande)  
O presente artigo aborda as crenças de moradores da zona sul da cidade do Rio de Janeiro acerca deles mesmos, de pessoas que moram no subúrbio e dos cariocas em geral. O enfoque teórico é composto pela teoria das representações sociais, mais precisamente sua abordagem estrutural elucidada pela teoria do núcleo central, e a teoria da identidade social. O método envolve um questionário que inclui itens de Likert sobre o que é ser carioca, exemplificado por suas características mais marcantes, e
more » ... mais marcantes, e evocações livres com os termos indutores "cariocas", "moradores da zona sul" e "moradores do subúrbio". Os participantes da pesquisa são 100 residentes da zona sul do Rio de Janeiro das regiões administrativas da Lagoa e de Botafogo. A análise de dados dos itens de Likert foi feita a partir da ANOVA e a das evocações livres foi realizada por meio da análise prototípica. Os resultados mostram que a representação social e a identidade dos moradores da zona sul parecem calcadas em características mais positivas e distintas da representação dos residentes do subúrbio. Além disso, ambas as categorias de moradores das duas zonas do Rio de Janeiro, subúrbio e zona sul, aparecem como um recorte de uma categoria maior, a categoria do carioca.
doi:10.20435/inter.v21i2.2069 fatcat:vmgw3luprvc7rinhm6qobpxbvy