DESENVOLVIMENTO DE ALTERNARIA SOLANI EM DIFERENTES MEIOS DE CULTURA, FOTOPERÍODO E TEMPERATURA

Camila Hendges, Márcia de Holanda Nozaki
2017 Colloquium Agrariae  
RESUMO O tomateiro está entre as hortaliças mais cultivadas, porém é altamente susceptível ao ataque de patógenos. A pinta-preta é uma das doenças mais frequentes sendo constatada em condições de alta umidade e temperatura, ou seja, ideais ao desenvolvimento do patógeno. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito dos meios de cultura, temperatura e fotoperíodo no crescimento micelial e esporulação de Alternaria solani. Foram realizados diferentes ensaios. O primeiro, de diferentes
more » ... , de diferentes meios de cultura com os tratamentos: 1) BDA; 2) BDA+Polpa de Tomate; 3) BDA+Folha de Tomate; 4) BDA+Cenoura e 5) Aveia+Ágar, com 4 repetições. O segundo de luminosidade: 1) escuro, 2) fotoperíodo alternado e 3) claro contínuo, com 7 repetições. E, por fim, o de temperatura, constituído por: 1) 25 °C; 2) temperatura ambiente e 3) 30 °C, com 7 repetições. Foram realizadas avaliações diárias de crescimento micelial e esporulação do patógeno ao final de cada ensaio. Dados foram submetidos à análise pelo teste de Tukey a 5%. O meio de cultura contendo BDA+polpa de tomate apres entou o melhor crescimento micelial e esporulação da Alternaria solani, apresentando-se como mais adequado para seu isolamento. A luminosidade interferiu significativamente na esporulação do fungo, sendo o fotoperíodo escuro o que apresentou a maior esporulação, não havendo diferença para crescimento micelial. A temperatura de 30 °C proporcionou o melhor tratamento para isolamento do patógeno, tanto em crescimento micelial, quanto em esporulação. Palavras-Chave: etiologia; Lycopersicon esculentum; pinta preta. ALTERNARIA SOLANI DEVELOPMENT IN DIFERENT CULTURE MEDIA, PHOTOPERIOD AND TEMPERATURE ABSTRACT Tomato is among the most cultivated vegetables, but is highly susceptible to attack of pathogens. The blight is one of the most frequent diseases and is observed in high humidity and temperature, ideal environmental conditions for the development of the pathogen. The objective of this study was to evaluate the effect of culture media, temperature and photoperiod on Alternaria solani mycelia growth and sporulation. Different assays were performed. The first, of different culture media with the treatments: 1) PDA; 2) PDA+Tomato pulp; 3) PDA+Tomato Leaf; 4) PDA+Carrot and 5) Oatmeal+Agar with 4 replications. The second of light influence: 1) dark, 2) alternating photoperiod and 3) continuous light, with 7 repetitions. And, temperature, constituted by: 1) 25 °C; 2) 30 °C and 3) ambient temperature with 7 replicates. Daily reviews of mycelia growth and sporulation of the pathogen were performed. Data were analyzed by Tukey test at 5%. All variables showed interference on growth and sporulation of Alternaria solani, highlighting the PDA culture medium + Tomato Pulp, dark photoperiod and 30 °C. It can be concluded that in studies of the of pathogen etiology, climatic and environmental factors may influence their growth and reproduction.
doi:10.5747/ca.2017.v13.n1.a144 fatcat:mblys5yy6bhcjl746cx32xnghe