Um estudo sobre as condições de acessibilidade em pré-escolas

Priscila Moreira Corrêa, Eduardo José Manzini
2012 Revista Brasileira de Educação Especial  
A utilização de um instrumento específico é imprescindível para que educadores consigam analisar as condições de acessibilidade física das suas escolas. Objetiva-se, com este trabalho, apresentar os resultados obtidos pela aplicação de um protocolo para avaliação da acessibilidade física, em seis escolas da Educação Infantil de uma cidade do interior paulista. Esse protocolo está constituído por oito rotas utilizadas por alunos, ao se locomoverem e, também, por itens que devem ser avaliados
more » ... m ser avaliados pelo educador, ao transitarem pelas rotas estabelecidas. Os critérios usados para escolha das seis escolas avaliadas foram: 1) ano de construção das escolas; 2) região; e 3) atender a alunos com deficiência física ou visual e/ou deficiência múltipla. A avaliação das escolas possibilitou a análise das condições de acessibilidade, de acordo com: tipos de portão, porta, piso, obstáculos, largura de corredores, desníveis; quadra de esportes; tanque de areia; campo de futebol; bebedouro; e banheiro. Os resultados demonstraram ser possível comparar e distinguir as condições de acessibilidade de cada item do protocolo, para cada uma das seis escolas avaliadas. O protocolo elaborado permite que os profissionais do atendimento educacional especializado cumpram com umas das suas funções, que é de identificar, elaborar e organizar recursos pedagógicos e de acessibilidade.
doi:10.1590/s1413-65382012000200004 fatcat:ko4ewabbxnczvougshkw7vy4au