Experiência da Rede Paulista de ATS na parceria com a CONITEC

Evelinda Trindade, Patrícia Nieri Martins, Andrea Gomes Zanberlan, Paula Araujo Opromolla, Tereza Setsuko Toma, Sérgio Swain Muller, José Manuel Camargo, Roberto Kalil, Antonio José Pereira, Eloisa Bonfa, David Everson Uip, Clarice Petramale
2015 Revista Eletronica Gestão & Saúde  
A constituição de redes de pesquisa para realização de estudos estratégicos, a exemplo de redes internacionais, permite aos atores assistenciais potencializar a produção de conhecimentos ou testes de conhecimentos sugeridos ou requeridos para o planejamento do sistema de saúde. A constituição inicial da Rede Paulista de Avaliação de Tecnologias em Saúde - REPATS - consiste em formalizar Grupos de Trabalho Temáticos visando incrementar qualidade assistencial e a produção de evidências, além dos
more » ... idências, além dos benefícios em práticas assistenciais com base em evidências, melhor segurança do paciente, pode reduzir variação e custos injustificados. A eficiência na prestação dos serviços e otimização do uso dos escassos recursos do setor saúde pode aumentar o acesso e resolutividade ao sistema. Mediante demandas da CONITEC e necessidade de regularização das práticas assistenciais do SUS no Estado de São Paulo, os Comitês específicos de Farmacologia e Qualificação de Materiais dos Núcleos de Avaliação de Tecnologias em Saúde - NATS - da REPATS vêm produzindo conhecimentos estruturados de acordo com as Diretrizes do Ministério da Saúde, publicações científicas e algumas pós-graduações. A parceria com a CONITEC impulsionou o desenvolvimento da REPATS, criando fluxo e estímulo para a superação da cultura oral, auxiliando inclusive financeiramente alguns dos NATS.
doi:10.18673/gs.v6i4.22113 fatcat:n6mh5ujivzd35fep72jyr4d5ky