Indicadores antropométricos de estado nutricional como preditores de capacidade em idosos

Kleyton Trindade Santos, José Carlos Cândido dos Santos Júnior, Saulo Vasconcelos Rocha, Luciana Araújo dos Reis, Raildo da Silva Coqueiro, Marcos Henrique Fernandes
2014 Revista Brasileira de Medicina do Esporte  
INTRODUÇÃO: Trata-se de estudo seccional que analisou dados de pesquisa epidemiológica de base populacional e domiciliar conduzida em um município do nordeste do Brasil.OBJETIVO: Identificar os indicadores antropométricos de estado nutricional que apresentam melhor capacidade preditiva de capacidade funcional em idosos.MÉTODOS: A população foi constituída por 316 idosos que foram avaliados por meio de questionário contendo informações sociodemográficas, atividade física e condições de saúde,
more » ... dições de saúde, seguido de avaliação antropométrica. A capacidade funcional foi avaliada por meio das escalas de Katz e de Lawton e Brody para atividades básicas e instrumentais da vida diária, respectivamente. Foram utilizados como indicadores de estado nutricional, o índice de massa corporal, a área muscular do braço e o perímetro da panturrilha. Estimou-se modelos simples e múltiplos de regressão logística multinomial, tendo a capacidade funcional como variável dependente e os indicadores antropométricos como variáveis de interesse.RESULTADOS: Participaram do estudo 173 mulheres (54,7%) e 143 homens (45,3%). Os resultados da regressão múltipla mostraram que o perímetro da panturrilha foi o único preditor de capacidade funcional em mulheres (≤ P25: OR = 5,77, p = 0,028, para dependência nas atividades instrumentais), enquanto que nos homens o índice de massa corporal foi o único indicador associado (baixo peso: OR = 11,36, p = 0,006; sobrepeso: OR = 22,06, p = 0,002; para dependência nas atividades básicas e instrumentais).CONCLUSÃO: Os resultados permitem concluir que os indicadores antropométricos preditores de capacidade funcional em idosos variam de acordo com o sexo, com o perímetro da panturrilha sendo mais adequada às mulheres e o índice de massa corporal aos homens.
doi:10.1590/1517-86922014200301816 fatcat:q2etndc5lvhpdimrdefxxjcyty