Psychopathic personality trends and antisocial behaviour in female and male juvenile offenders
Tendências de personalidade psicopática e comportamento antissocial em jovens delinquentes do sexo feminino e masculino

Fernando Barbosa, Ana Rita Reis
2017 Psychologica  
A navegação consulta e descarregamento dos títulos inseridos nas Bibliotecas Digitais UC Digitalis, UC Pombalina e UC Impactum, pressupõem a aceitação plena e sem reservas dos Termos e Condições de Uso destas Bibliotecas Digitais, disponíveis em https://digitalis.uc.pt/pt-pt/termos. Conforme exposto nos referidos Termos e Condições de Uso, o descarregamento de títulos de acesso restrito requer uma licença válida de autorização devendo o utilizador aceder ao(s) documento(s) a partir de um
more » ... partir de um endereço de IP da instituição detentora da supramencionada licença. Ao utilizador é apenas permitido o descarregamento para uso pessoal, pelo que o emprego do(s) título(s) descarregado(s) para outro fim, designadamente comercial, carece de autorização do respetivo autor ou editor da obra. Na medida em que todas as obras da UC Digitalis se encontram protegidas pelo Código do Direito de Autor e Direitos Conexos e demais legislação aplicável, toda a cópia, parcial ou total, deste documento, nos casos em que é legalmente admitida, deverá conter ou fazer-se acompanhar por este aviso. Tendências de personalidade psicopática e comportamento antissocial em jovens delinquentes do sexo feminino e masculino Autor(es): Abstract This study examined differences in personality features and antisocial behaviour of institutionalized female and male juvenile offenders. Sixty juvenile delinquents (30 female) were evaluated in order to obtain antisocial personality traits, measures of delinquent disposition, as well as measures of frequency and diversity of delinquent behaviour. Contrary to what was expected and reported in the literature, the results showed no gender differences in terms of psychopathic features, nor disposition to delinquent behaviour, but a gender effect was found in relation to the frequency and diversity of antisocial behaviours, with a male dominance in both cases. We advance with possible explanations for the obtained results within the context of the limitations of the study, and identify cues that may contribute to further researches on gender differences in juvenile delinquency, still scarce in Portugal. Artigo recebido a 30-03-2016 e aprovado a 16-09-2016.
doi:10.14195/1647-8606_60-1_3 fatcat:ramzlomdezeinbgnd3lyepxrk4