Atelectasias durante anestesia: fisiologia e tratamento

Fabiano Timbó Barbosa
2008 Revista Brasileira de Anestesiologia  
Rev Bras Anestesiol, 2007; 58(1): 73-83) Prezada Editora, Foi com grande interesse que li o artigo 1 publicado na Revista Brasileira de Anestesiologia. Gostaria de parabenizar os autores pela louvável iniciativa. Preocupado em esclarecer alguns aspectos, me ocorreu fazer algumas comentários: 1) Os autores descrevem no artigo que a diminuição da complacência pulmonar e a piora das trocas gasosas seriam os parâmetros utilizados como critérios de indicação para as manobras de recrutamento
more » ... crutamento alveolar. Não houve descrição no artigo sobre qual o instrumento biomédico, estratégia diagnóstica ou monitor que deveria ser utilizado durante a realização de um procedimento cirúrgico para a realização desse diagnóstico. Existe algum? Qual? 2) Os autores defendem que as manobras de recrutamento devem ser utilizadas sempre que possível; entretanto, não descrevem qual o momento ideal para o seu início. O III Consenso Brasileiro de Ventilação Mecânica recomenda que as manobras sejam executadas logo após a instalação da anestesia geral, pois essa estratégia seria uma tentativa de minimizar o momento de maior aparecimento das atelectasias pulmonares durante uma cirurgia, o momento da indução anestésica 2 . 3) Os autores descrevem que os benefícios das manobras de recrutamento vão além da reversão das atelectasias, parecendo fazer uma clara menção de que os benefícios são estendidos durante o período pós-operatório. Contudo, parecem faltar ensaios clínicos aleatórios com intervalo de confiança estreito e com adequado tempo de seguimento para respaldar os efeitos das manobras no pós-operatório, uma vez que o III Consenso de Ventilação Mecânica apresenta o grau de recomendação como B 2 . Aproveito ainda a oportunidade para aplaudir o grande esforço dos autores em tentar trazer ao anestesiologista brasileiro um conhecimento que traz diretamente benefícios ao paciente durante a realização de uma anestesia.
doi:10.1590/s0034-70942008000600013 pmid:19097341 fatcat:fpxjrlibuzcahobrky2nujr3a4