A CATEGORIA DO SEM-MEDIDA EM HEGEL E MARX

Federico Orsini
2020 Revista Dialectus  
O objetivo deste artigo é analisar as transformações que a categoria de "sem-medida" (maßlos) experimenta na transição da Ciência da Lógica de Hegel para O Capital de Marx. A premissa metodológica de minha investigação é a ideia de que exigência de esclarecer o método de O Capital traz consigo a necessidade de uma análise comparativa com o método hegeliano. A análise contém duas partes. Na primeira parte, mostrarei como o sem-medida surge nos primeiros capítulos de O Capital. Na segunda parte,
more » ... Na segunda parte, reconstituirei a categoria de sem-medida na Doutrina do Ser (1832) de Hegel. Nas considerações conclusivas, apontarei três semelhanças e três diferenças entre as duas figuras do sem- medida em Hegel e em Marx. As semelhanças são: o uso de uma lógica dialética, a interação do qualitativo e do quantitativo, e o princípio da explicitação da coisa mesma. As diferenças dependem da diferença entre uma lógica sem-pressupostos e uma lógica peculiar do objeto peculiar.
doi:10.30611/2020n18id61185 fatcat:6bo7ehmxyvgfto2xyg2ecjld7a