Efeitos do manejo do solo e da adubação orgânica no rendimento do algodoeiro

Nilda B. de Lacerda, José R. C. Silva
2007 Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi  
O presente trabalho teve como objetivo comparar a eficiência do plantio direto (PD), preparo convencional (PC) e os efeitos residuais de esterco bovino e de galinha na umidade do solo e no rendimento do algodão, em um Neossolo Flúvico. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental da UFC, em Pentecoste, CE. Os tratamentos testados, foram: algodão cultivado em sistema de plantio direto, utilizando-se 50 e 100 t ha-1 de esterco bovino (EBPD e 2EBPD) e 14,3 t ha-1 de esterco de galinha
more » ... co de galinha (EGPD); algodão cultivado em sistema convencional, com as mesmas doses de esterco bovino (EBPC e 2EBPC) e de esterco de galinha (EGPC) adotados no plantio direto. Avaliaram-se: altura de plantas, número de maçãs por planta, matéria seca da parte aérea, massa de capulho por planta, número de sementes por planta, massa de sementes e determinação da umidade do solo. O PD superou o PC no rendimento do algodão e melhorou a conservação da água e do solo e o seu uso pelas plantas. Em ambos os sistemas de manejo, o esterco de galinha foi o responsável pelos maiores aumentos, em todas as variáveis analisadas no algodão.
doi:10.1590/s1415-43662007000200006 fatcat:7s7zdtjwt5a5poz7uz2pd7343y