Kristeva e Butler: significância, performatividade e produção como parâmetros para uma semiótica crítica

Cássio de Borba Lucas, Alexandre Rocha da Silva
2019 Galáxia  
Resumo O artigo propõe um diálogo entre as teorias de Julia Kristeva e Judith Butler com o objetivo deretomar suas contribuições para uma semiótica crítica da comunicação. Indica, para tanto, uma série de ressonâncias que parecem conectar os distintos projetos das autoras em um similar viés pós-estruturalista. Na primeira seção, são exploradas estas ressonâncias por meio das noções de "experiência discursivamente condicionada", de "práticas significantes" e da possibilidade de "intervenção
more » ... e "intervenção crítica" na comunicação com viés desconstrucionista. Na segunda seção, trata-se de indicar a centralidade, no pensamento das duas pensadoras, do conceito de produção, que parece fundamentar as perspectivas da significância e da performatividade de que cada uma lança mão para evidenciar os desafios micropolíticos da comunicação.
doi:10.1590/1982-25542019238332 fatcat:3ymie7pfyvapficg7rekajbsy4