A inclusão da subjetividade no ensino da Psicopatologia

Octavio Domont de Serpa Junior, Erotildes Maria Leal, Rita de Cássia Ramos Louzada, João Ferreira da Silva Filho
2007 Interface: Comunicação, Saúde, Educação  
O estudo da Psicopatologia tem sido freqüentemente apresentado em sua dimensão descritiva. Apesar da relevância para o ensino - auxiliar o aluno a reconhecer a dimensão sintomatológica dos quadros psicopatológicos -, exclui a dimensão subjetiva da experiência do adoecimento e seus aspectos relacionais. Partindo da tradição antropológico-existencial, apresentamos uma experiência de ensino de Psicopatologia que considera tais dimensões relevantes para a compreensão do sofrimento mental.
more » ... o mental. Trabalhando com estudo de caso descritivo, são apresentadas duas novas modalidades de práticas na disciplina Psicopatologia Especial I, oferecida para alunos do curso de Psicologia da UFRJ. A proposta é ampliar o ensino prático, tradicionalmente centrado no modelo da extensa entrevista clínica, realizada diante de um grande grupo de alunos que a tudo assistem passivamente. Pretendemos aproximar o ensino e a prática da Psicopatologia dos ideais da Reforma Psiquiátrica Brasileira, que concebe o adoecimento mental como fenômeno complexo, envolvendo a relação do sujeito com o mundo.
doi:10.1590/s1414-32832007000200003 fatcat:auind43s2bacbjmjshat2gn3xe