A ESCOLA COMO LUGAR DE RELAÇÕES DE PODER E DO SUJEITO INSTITUCIONALIZADO

Leila Cristina da C. S. Almeida
2013 InterScience Place  
Resumo -Esta discussão temática aborda o poder e a instituição como estruturas presentes e atualizadas nos operadores sociais. Um desses operadores é a escola que, em suas atitudes afirmativas de inclusão, participação e busca por excelência, produz imperativos arbitrários que, embora falem de mudança social, muitas vezes se articulam criativamente para manter modelos dominantes. Porém, mesmo que os modos de viver e de pensar no sujeito sejam instituídos e que existam relações diversas de poder
more » ... s diversas de poder atravessando essas relações, a escola é desafiada a produzir outras realidades sociais mobilizando e potencializando também outras práticas. Palavras-chave: Relações de poder. Instituição escola. Mobilização. Modos de vida. Abstract -This discussion addresses the power and the institution as structures present and updated in the social workers. One of these operators is the school in their affirmative attitudes of inclusion, participation and pursuit of excellence that producesarbitrary imperatives, they speak of social change, oftenarticulate creatively to keep the dominant models. But even if the modes of living and thinking in the subject are introduced and there are diverse relations of power through these relationships, the school is challenged to produce others social realities also mobilizing and leveraging other practices.
doi:10.6020/1679-9844/2710 fatcat:vgavnn7xhfggrbj47leli6x6om