IMAGENS DA VIDA: ECOS DO CONCRETISMO E DA INTERMIDIALIDADE EM PROSAS SEGUIDAS DE ODES MÍNIMAS, DE JOSÉ PAULO PAES

Paulo Roberto Barreto Caetano
2015 Estudos Linguísticos e Literários  
<p class="MsoNormal" style="text-align: justify; tab-stops: 402.45pt;">A poesia de Paes, conhecida principalmente pela concisão, apresenta elementos usados pelo concretismo: o uso do espaço em branco da página como sugestão semântica pode representar uma sutil indicação de imagens. Assim sendo, a obra do autor paulista pode possuir um caráter intermidial, no qual a escrita e a imagem dialogam entre si na construção de sentido. Este artigo analisa algumas dessas manifestações. </p>
doi:10.9771/2176-4794ell.v0i51.13749 fatcat:xwsqagfddrfc7cgmwufmoqzr64