Deficiência de Klotho em disfunção de múltiplos órgãos relacionada à sepse em camundongos [thesis]

Lectícia Barbosa Jorge
Dedicatória Dedico essa tese aos meus pais, Solange e Heleno, meus primeiros mestres. Vocês, sem títulos acadêmicos, foram os responsáveis pelos ensinamentos mais sólidos da minha vida. Vocês me ensinaram valores, me ensinaram amor. Agradecimentos Uma tese não se faz sozinha, muito menos uma vida. Aliás "Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado, com certeza vai mais longe". E eu tenho muita certeza que estive muito bem acompanhada em todo meu caminho para
more » ... do meu caminho para chegar até aqui. E só posso agradecer a cada uma dessas companhias. Aos meus pais, Solange e Heleno, por terem me oferecido um amor puro e infinito. Também por terem sempre me ensinado o valor do aprendizado. Meu pai sempre falava algo muito parecido com que Einstein também já falou "Lembre-se que as pessoas podem tirar tudo de você, menos o seu conhecimento". Demorei muitos anos para entender, mas meus pais sempre foram gênios. Gratidão eterna a vocês. Ao meu marido, o melhor que poderia escolher, por toda paciência, amor, companheirismo digo que "podia estar tudo agora dando errado pra mim, mas com VOCÊ... Dá certo!" À minha irmã, Layla, minha versão melhorada, mais doce, mais meiga e sempre presente. Obrigada também ao meu cunhadinho Lucas por cuidar dela e de toda família. À toda minha família, meus tios, meus primos, minhas primas e a minha madrinha Tania, obrigada pelo incentivo em todas as horas, pelas companhias e por fazerem eu ter certeza que sempre estarão comigo em todos os momentos. À Crika minha "babá" que cuida de mim, da minha casa com tanta dedicação e amor. Agradeço imensamente a cada um dos professores que tive até aqui nessa longa jornada. Cada um me inspirou e me encantou fazendo eu tentar trilhar esse caminho na difícil vida acadêmica. Sem tantos bons exemplos não teria escolhido estar aqui. Obrigada Professoras Tania e Bernadete, Prof. Jocemir, Prof. Rui Toledo, Prof a Vik e tantos outros por dividirem o conhecimento de maneira generosa. À minha orientadora, Prof a Dra Lúcia Andrade, por termos concluído juntamente esse trabalho apesar das dificuldades. Obrigada pelos ensinamentos que me fizeram crescer e amadurecer enormemente na vida acadêmica. Aos meus amigos, que não são muitos, mas são os melhores, porque me aturaram todo o tempo e ainda me aturam nos meus melhores e também nos meus piores dias, vocês foram fundamentais. Destaques para a Fe minha grande companheira no laboratório, acho que não seria possível se eu não tivesse tido uma amiga tão próxima no dia a dia da bancada, aprendendo e sofrendo juntas. À Sassa pelo jeito descontraído, fraterno sempre presente. À Lílian pela a maturidade e exemplo de como levar a vida adulta. À Talita, à Helô, ao José, ao Rildo, à Carol pela ajuda fundamental e paciente no dia-a-dia da bancada e pela alegria dos intervalos. A todos os funcionários atuais e prévios do LIM 12, à Denise, à Eloá, ao Nivaldo muito obrigada pela receptividade, presteza e simpatia em todos os momentos. Ao Prof Niels, À Prof a Dra Maria Cláudia Irigoyen, Ao Prof Cristóforo Scavone, por terem colaborado tanto com meu trabalho dividindo o conhecimento de técnicas e discussões. À Prof a Dra Denise Malheiros por me ajudar na patologia renal e no dia a dia com enorme carinho.
doi:10.11606/t.5.2017.tde-22092017-132647 fatcat:h32rwgv2vfcn3booswjheonigy