O Valor dos Homens e das Coisas

Adolfo Yáñez Casal
2001 Cadernos de Estudos Africanos  
Christian Geffray tinha uma formação teórica profunda e diversificada em vários domínios do saber académico-científico; um saber dinâmico e articulado com as preocupações do cidadão comprometido, que o iam conduzindo para terrenos e objectos de investigação antropologicamente inovadores. O primeiro trabalho de campo-entre 1981 e 1983-foi desenvolvido entre os Makhwas do Norte de Moçambique. É com base nesta sua longa estadia que elabora a sua lese de doutoramento em tomo da problemática do
more » ... roblemática do parentesco matrilinear e escreve o famoso livro Ni pere, ni mcre. Critique de ln parenté chez les Mnkhwn (Paris, Le Seuil, 1991; Lisboa, Caminho, 2000) expondo com vigor, subtileza e grande coerência um novo modo de compreender e analisar a Antropologia do Parentesco. A situação de guerra, que então se vivia em Moçambique, muito particularmente naquela região, alertou-o para um novo ObJectO de estudo antropológico: a guerra na óptica dos que a sofrem, longe dos poderes que a decidem e a sustentam -a Frelirno e a Renamo. O seu livro l.n cause des annes nu Mozambique. A11 thropologie d 'r me guem civilc (Paris, Karthala, 1990; Porto, Afrontamento, 1991) revelou-c;c crucial para a avaliação e compreensão, nacional e internacional, das componentes, interna e externa, daquele interminável e devastador conflito armado. A eficácia académica e cívica da sua experiência no Norte de Moçambique, aliada à sua coragem, quer humana, quer científica, levam-no a outro terreno-a região amazónica do Brasil-onde estuda (também numa longa estadia) temas tão complexos como a morte, a violência e o narcotráfico, in..c;eridos no entramado de relações de dominação paternalista e capitalista. O seu livro, Chrouíques de la Servitude erz Amazonie Brésiliemze (Paris, Karthala, 1995) faz a análise dos dados ru recolhidos, mos-
doi:10.4000/cea.1623 fatcat:tgwdc37kvre4dasl3n7psbwrb4