Avaliando a saúde infantil em uma pequena comunidade: o estudo de Itapirapuã, Vale do Ribeira, SP

Juraci Almeida César, Cesar Gomes Victora
1990 Cadernos de Saúde Pública  
Através de inquérito domiciliar, avaliou-se a morbimortalidade e a utilização dos serviços de saúde em crianças menores de cinco anos em um aglomerado rural no Vale do Ribeira - SP. A maioria das crianças pertencia a famílias de trabalhadores agrícolas com renda inferior a dois salários mínimos, vivendo em precárias condições de habitação e saneamento. O coeficiente de mortalidade infantil foi estimado em 83 por mil nascidos vivos, bastante superior aos dados oficiais para o Município e o
more » ... Município e o Estado. A desnutrição crônica nas formas moderada ou grave atingiu 35% das crianças. As infecções respiratórias e a diarréia foram, repectivamente, os principais motivos de consultas médicas e hospitalizações. O aleitamento materno atingiu a mediana de 14,4 meses, valor jamais descrito no país. As coberturas pré-natal e vacinal foram de apenas 40% e 65%, respectivamente. O presente estudo evidenciou um enclave com preocupantes níveis de saúde infantil, dentro do estado mais rico do país. Mostrou, também, que, com um orçamento extremamente limitado e em um curto período de tempo, foi possível obter dados de grande valia para o diagnóstico comunitário e o planejamento de ações para melhorar a saúde infantil.
doi:10.1590/s0102-311x1990000400007 pmid:15962159 fatcat:3u2sepvkqzfjzmmrxg2odpnnvm