Capacidade de absorção, exploração e explotação: uma análise em empresas de Palmas, Tocantins

Silvio Popadiuk, Suzana Gilioli da Costa Nunes
2018 Gestão & Produção  
Resumo O tema desta pesquisa diz respeito às relações entre as orientações estratégicas de exploitation (explotação) e exploration (exploração) e a capacidade de absorção do conhecimento organizacional. Os três temas discutidos caracterizam-se como de grande relevância para a geração de vantagem competitiva sustentável para as organizações. Em geral, embora inseridos na discussão de aprendizagem organizacional, ainda estão em fase de evolução quanto aos seus componentes relativos a
more » ... ivos a antecedentes, moderadores e resultantes, como poderá ser observado no referencial teórico. Não foi possível a identificação de estudos com características similares às aqui apresentadas, ou seja, estudos que relacionem exploração e explotação com a capacidade de absorção, particularmente no contexto brasileiro. O objetivo principal foi avaliar o grau de associação entre exploração e explotação e a capacidade absorção. Foi desenvolvida uma pesquisa de caráter quantitativo com 100 empresas dos setores de comércio e de serviços sediadas na cidade de Palmas, Estado do Tocantins. A escolha do setor se deu pela concentração de empresas com tal característica na cidade estudada. Foram informantes os gestores que trabalhavam nessas empresas. O questionário aplicado envolveu a utilização de duas escalas. Uma para a mensuração das orientações para exploração e explotação e outra referente à mensuração da capacidade de absorção do conhecimento, ambas validadas por estudos anteriores. Para a verificação da hipótese principal, a técnica utilizada envolveu Modelagem de Equações Estruturais, mediante o software PLS-PM. Os conceitos de exploração e explotação foram baseados em seis dimensões: práticas de conhecimento organizacional, práticas de inovação, foco estratégico, competição, parcerias e eficiência. O conceito de capacidade de absorção ficou traduzido por duas dimensões: capacidade potencial e capacidade realizada. Os resultados demonstraram que as empresas pesquisadas possuem orientação para explotação. Em relação à capacidade de absorção, as empresas possuíam alto grau de predominância de relacionamento com o ambiente, rotinas e procedimentos e conhecimento público. A hipótese principal foi confirmada, indicando uma relação positiva entre exploração, explotação e a capacidade de absorção.
doi:10.1590/0104-530x2691-18 fatcat:a6zz25d3qbbspoj5xzs6h3m5ae