DIMENSÕES SÓCIO-HISTÓRICAS DA REFORMA DO ENSINO MÉDIO (LEI 13415/2017): A EDUCAÇÃO PARA O TRABALHO NO CONTEXTO DAS POLÍTICAS DE FINANCIAMENTO EDUCACIONAL

João Paulo Pereira Coelho, Paulo Rogério de Souza
2018 Colloquium Humanarum  
RESUMO O trabalho analisa a reforma do Ensino Médio (Lei 13415/2017) a partir da dinâmica histórica das políticas educacionais voltadas a este nível de ensino. Tratando-se de uma pesquisa de caráter bibliográfico e documental, procurou-se problematizar a Lei 13415/2017 a partir das contradições sociais e políticas que permeiam a relação entre educação secundária e trabalho no Brasil. Historicamente, a ampliação do acesso à educação pública em nível médio constitui-se como um projeto em favor da
more » ... projeto em favor da qualificação para o trabalho urbano industrial, mobilizado por setores econômicos hegemônicos, e sob a orientação e financiamento de organizações internacionais. Neste processo, a nova lei do Ensino Médio significa uma reorganização das políticas educacionais voltadas à formação para o trabalho que emergem ciclicamente no Brasil, particularmente em contextos de dissolução da democracia. Palavras-chave: Lei 13415/2017. Ensino Médio. Financiamento Educacional. Educação para o trabalho. ABSTRACT This paper analyzes the High School Reform (law 13415/2017) from the historical dynamics of educational policies aimed at this level of education. As a bibliographical and documentary research, we goaled to problematize the law 13415/2107 from the social and political contradictions that permeate the relation between secondary education and work in Brazil. Historically, the expansion of access to public education at the middle level has constituted a project in favor of qualification for industrial urban work, mobilized by hegemonic economic sectors, and under the guidance and funding of international organizations. In this process, the new law of the Secondary School means a reconfiguration of the educational policies geared towards the formation of work that cyclically emerge with more vigor in Brazil, particularly in contexts of dissolution of democracy
doi:10.5747/ch.2018.v15.n1.h349 fatcat:33zfu7mclbcorcqaqnksg5ucb4