A "Hispania" visigoda (séculos VI–VII) e a Antiguidade Tardia: algumas considerações

Renan Frighetto
2013 Territórios e Fronteiras  
A Antiguidade Tardia (séculos II – VIII) é considerada como um período histórico marcado por intensas transformações, mutações e readequações que a colocam entre os períodos helenístico e medieval. Nesse sentido a entendemos como uma autêntica estrutura histórica, particularmente quando direcionamos nossa análise sobre os elementos políticos e institucionais que a constituem. A partilha do poder imperial e régio, o estabelecimento de uma prática política de sucessão hereditária e as disputas
more » ... ia e as disputas que caracterizavam a dicotomia entre a unidade política e o fortalecimento de poderes de caráter local e regional são alguns argumentos que reforçam tal hipótese. Elementos que encontramos, também, no regnum gothorum da Hispania colocando-o como integrante daquela estrutura histórica da Antiguidade Tardia.
doi:10.22228/rt-f.v6i1.193 fatcat:pgcfm2b76nhl3ghmwzylceksuq