Avaliação da atividade da peroxidase em carambola (Oxalidacia averrhoa) em diferentes estádios de maturação

Edmar Clemente, Camila Laurenti
2005 Acta Scientiarum: Agronomy  
RESUMO. A peroxidase (EC. 1.11.1.7) solúvel e ionicamente ligada foi extraída da carambola em diferentes estádios de maturação da fruta. Os extratos foram preparados utilizando solução tampão fosfato de sódio 100 mM e pH 7,0 e determinada a atividade enzimática desses extratos. O grau de maturação não influenciou na atividade da peroxidase solúvel, no entanto foram observadas algumas modificações na atividade da peroxidase ligada ionicamente. Para o estudo da estabilidade térmica da peroxidase,
more » ... os extratos brutos foram submetidos a temperaturas de 60, 65, 70, 75, 80 e 85°C e a atividade enzimática determinada em intervalos de 0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Foi observado que a enzima perdia sua atividade à medida que se aumentava o tempo e a temperatura. Na fase de purificação, o extrato concentrado da peroxidase solúvel foi dialisado usando solução tampão 10 mM de fosfato de sódio pH 7,0, em seguida a amostra foi aplicada em coluna cromatográfica (16 mm d.i x 70 cm) empacotada com Sephacryl HS100 com velocidade de fluxo de 30 mL/h. Os resultados da eletroforese mostraram a presença de uma isoenzima aniônica de peso molecular 64 kDa . Palavras-chave: peroxidase, atividade enzimática, carambola, Oxalidacia averrhoa.
doi:10.4025/actasciagron.v27i1.2159 fatcat:extin52bsvbqnotu6xjklfvm3m