Demanda energética e distribuição de sementes de milho em função da velocidade de duas semeadoras

Erivelto Mercante, Suedêmio de L. Silva, Alcir J. Modolo, João C. M. da Silveira
2005 Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi  
Objetivou-se, através deste trabalho, avaliar a uniformidade de distribuição de sementes de milho em duas velocidades de deslocamento de duas semeadoras-adubadoras de precisão, em experimento conduzido em um Latossolo Vermelho distroférrico, de relevo levemente inclinado e textura muito argilosa. O delineamento experimental constituiu-se de quatro tratamentos compostos de duas semeadoras (S1-PSE 8/Semeato, S2-PST 2/Super Tatu) e duas velocidades de deslocamento (V1 = 5,2 e V2 = 8,4 km h-1). O
more » ... = 8,4 km h-1). O valor médio da força de tração na barra foi de 9,6 kN para S1 e 8,07 kN para S2, enquanto a patinagem foi de 5,83 e 4,26%, para S1 e S2, respectivamente. Os valores obtidos para o espaçamento entre sementes da semeadora S1 nas velocidades V1 e V2, foram 21,6 e 22,0 e, para a semeadora S2, 18,0 e 19,0 cm respectivamente, os quais não diferiram estatisticamente entre si; verificou-se, entretanto, para as duas velocidades de deslocamento, tendência de aumento dos espaçamentos entre plantas, com o aumento da velocidade.
doi:10.1590/s1415-43662005000300020 fatcat:qasmcfwsn5emrdte43shtvgzlq