Construção e validação da Escala de Racismo Revitimizador

Marcus Eugênio Oliveira Lima, Isabelle Haaiara Andrade Barbosa, Erick Matheus Santos Araujo, Juliana Nascimento de Almeida
2020 Estudos Interdisciplinares em Psicologia  
O racismo apresenta duas características centrais: persistência e adaptação. Considerando as mudanças sociais e políticas do Brasil na atualidade, hipotetiza-se que ele atue mediante atribuição de culpa às minorias pela existência do próprio racismo, numa lógica de revitimização. Neste artigo procedemos a construção e validação de uma Escala de Racismo Revitimizador (ERR). Foram realizados dois estudos. O primeiro (n = 121, 50,4% do sexo feminino, idade média = 25,3, DP=10,2) procedeu a uma
more » ... procedeu a uma análise de conteúdo de posts na internet para a construção e confirmação da ERR. O segundo (n = 104, 54,8% de sexo masculino, idade média = 22,9, DP=7,3) procedeu a validação convergente com o racismo moderno e discriminativa com o autoritarismo, bem como Análise Fatorial Confirmatória e correlações com a motivação interna/externa para responder sem preconceito. Os resultados demonstram que a ERR é menos obstrutiva que a escala de racismo moderno e apresenta validade convergente e discriminativa.
doi:10.5433/2236-6407.2020v11n2p130 fatcat:fghka52sjvabvmajavm27ggte4