Subsídios para o Estudo do Conceito de Relações Públicas no Brasil

F. França
2003 Comunicação & Sociedade  
Resumo Este artigo estuda as origens do conceito de relações públicas no Brasil: como se formou, fatores e movimentos que influenciaram o seu desenvolvimento e levaram à regulamentação legal da atividade. Analisa as definições de comumente aceitas pelas escolas e pelos docentes da disciplina. Questiona se houve ou não a adaptação da atividade à cultura brasileira e a falta de um grupo de especialistas que tivesse autoridade e apoio da categoria para conduzir, conceitual e operacionalmente,
more » ... racionalmente, relações públicas no País. Estuda também as opiniões de autores que apresentam outras visões de relações públicas, além das tradicionais. Uma discussão de perspectivas não-institucionais é apresentada no final do artigo. Palavras-chave: Produção científica -Relações públicas -Conceito de relações públicas -Regulamentação legal -ABRP -Cultura brasileira. Abstract The article traces the evolution of the public relations concept in Brazil, its historical origins, the issues and the contributing forces that were influential in its development, and the circumstances which led to the regulation of the public relations profession. It analyses definitions, which are commonly accepted by public relations researchers and academics. The issue of whether imported definitions were adopted to create a national character of public relations in Brazil is challenged. The absence of a group of public relations specialists capable of leading, both the theoretical bases and applied research for application of public relations in Brazil, is also discussed. The article closes with an analysis of non-institutional perspectives. Resumen Este artículo examina el origen del concepto de relaciones públicas en Brasil, su inicio, los factores que afectaron su desarrollo, las fuerzas propulsoras que lideraron la implantación de la actividad y la llegada de la reglamentación a través de ley específica. Analiza las definiciones de relaciones públicas utilizadas habitualmente por académicos e investigadores. Se cuestiona si las definiciones importadas fueron adaptadas a la realidad nacional y se analiza la falta de un grupo de especialistas, con autoridad y apoyo de la categoría, para conducir conceptual y operacionalmente la actividad de relaciones públicas en el escenario brasileño. Una discusión de perspectivas no-institucionales es presentada al final del artículo. Palabras-clave: Producción científica -Relaciones públicas -Concepto de relaciones públicas -Ley reguladora -ABRP -Cultura brasileña. 1. Tudo o que é recebido o é segundo o modo do recebedor.
doi:10.15603/2175-7755/cs.v24n39p127-154 fatcat:4uf6woukk5bezlmdzf36nn2pvu