Produção técnico-científica dos bibliotecários do Instituto Federal de São Paulo: um estudo neobibliométrico

Cintia Almeida da Silva Santos, Fernanda Rodrigues Pontes
2017 RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação  
As bibliotecas e os bibliotecários-documentalistas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) têm sido objeto de estudo de pesquisas científicas, porém, ainda não foi realizada nenhuma investigação que levantasse e mapeasse a produção científica desses profissionais. Este estudo objetivou mapear e analisar a produção técnico-científica dos bibliotecários-documentalistas da referida instituição. O percurso metodológico compreendeu a realização de pesquisa
more » ... e pesquisa teórico-empírica, na qual foi priorizada a abordagem neobibliométrica; nesse sentido, o ferramental da bibliotemetria foi associado à aplicação de questionário aos profissionais da instituição. Os resultados apontaram que a maioria dos profissionais do IFSP: é do gênero feminino; possui qualificação superior à exigida para o desempenho de suas funções; possui alguma publicação técnico-científica; considera importante a elaboração de publicações técnico-científicas, assim como a criação de veículos de comunicação e eventos. Todavia, as autoras sugerem alguns caminhos para o fortalecimento da visibilidade da categoria: incentivo ao aumento das publicações técnico-científicas; incentivo à criação e atualização do currículo lattes; incentivo à realização de publicações em parcerias, visto que alguns profissionais pesquisam temáticas similares; estímulo à participação em eventos e publicações técnico-científicas. As considerações apontam que os bibliotecários-documentalistas do IFSP produzem publicações técnico-científicas, mas poderão produzir mais, visto que tal feito contribui para o desenvolvimento e aperfeiçoamento da categoria, aproxima relações institucionais entre os câmpus, favorece a busca de soluções para os problemas enfrentados pelos profissionais, além de evidenciar seus câmpus e suas bibliotecas no cenário técnico-científico nacional e internacional.
doi:10.20396/rdbci.v0i0.8646093 fatcat:4dhtgh4ninb6dhaf5cmzfzgooa