UMA PONTE ENTRE CULTURAS: A TRADUÇÃO FUNCIONALISTA DE NOTÍCIAS JORNALÍSTICAS

VERONICA ROSARITO RAMIREZ PARQUET ROLON, MYRIAN VASQUES OYARZABAL
2013 Revista escrita  
Resumo O presente artigo tem como propósito verificar e analisar as estratégias tradutórias utilizadas pelo jornalista/tradutor Ramón Silva, no ato de transpordo espanhol para o guaranium fato noticioso. Neste trabalho, interessa-nos descobrir os movimentos realizados e caminhos percorridos pelo jornalista/tradutor, uma vez que nos apoiamos nas teorias de Reiss & Vermeer (1954), Nord (1988/1991) e Zipser (2002, pois acreditamos que todo jornalista é um tradutor dos fatos. Resumen El presente
more » ... umen El presente artículo tiene como propósito verificar y analizar las estrategias traductorias utilizadas por el periodista/traductor Ramón Silva, en el acto de transponerdel español al guaraníun fato noticioso. En este trabajo, nos interesamos en descubrir los movimientos realizados y caminos recorridos por el periodista/traductor, una vez que nos apoyamos en las teorías de Reiss & Vermeer (1954), Nord (1988/1991) y Zipser (2002, ya que creemos que todo periodista es un traductor de los hechos. 1) Introdução Por compartilharmos dos preceitos da teoria funcionalista dos Estudos da Tradução, concebemos que o ato tradutório não se restringe apenas a dominar os recursos linguísticos de línguas distintas ou na mera transposição destes recursos do texto fonte ao texto meta. A tradução é mais abrangente que esse ato de mera transposição, de domínio dos recursos linguísticos, pois está presente nos mais diferentes gêneros textuais, concretizados nos vários textos que tecem nossos atos comunicacionais. Partindo dessa visão, vamos ao encontro das ideias tecidas por Zipser (2002) sobre a interface entre a tradução e o jornalismo. A autora afirma que para que exista a tradução, não se faz necessário um texto fonte, basta que exista um fato a ser traduzido. Melhor dizendo, quando determinado fato é informado por um jornalista em seu meio de comunicação, ele está realizando a tradução de um fato noticioso para que sua audiência compreenda o que ele se propôs noticiar. No entanto, para que a construção de sentido ocorra é imprescindível que o jornalista/tradutor
doi:10.17771/pucrio.escrita.22361 fatcat:pfbdtupyufckhjzeszrdmfx4ha