Vulnerabilidade física de parte do litoral leste do Ceará à erosão

Márcia Thelma Rios Donato Marino, Denise Fernandes, Suellen Galvão Moraes, Adriana Araújo Tajra
2016 Desenvolvimento e Meio Ambiente  
Este estudo apresenta os níveis de vulnerabilidade física de segmentos costeiros à erosão, analisados para cinco praias do litoral do Ceará, a fim de representar o potencial de reação da costa aos processos atuantes no sistema praial e aos efeitos do uso e da ocupação, por meio de uma abordagem semiquantitativa. Os níveis de vulnerabilidade e os processos de erosão costeira foram estabelecidos por meio da integração de metodologias desenvolvidas por Souza (1997; 2001), Souza (1999), Dominguez
more » ... (1999), Dominguez (1999), Souza & Suguio (2003) e Souza et al. (2005). Integraram-se, ainda, as características particulares de uso e de ocupação, embasadas nas metodologias de Dal Cin & Simeoni (1994), Projeto Orla (Brasil, 2006) e Mallmann & Araújo (2010). Estudos deste cunho constituem importantes ferramentas nos processos de gerenciamento e de gestão de zonas litorâneas, possibilitando a indicação de diretrizes para um ordenamento territorial de forma sustentável. Foi possível identificar que os fatores morfológicos costeiros, os processos litorâneos, as intervenções humanas e os atributos e dinâmica naturais influenciam fortemente a vulnerabilidade de cada praia. Os resultados obtidos demonstram que áreas que apresentam grau de vulnerabilidade muito alto coincidem com as células e setores mais urbanizados, sugerindo um controle muito mais antrópico do que natural sobre a vulnerabilidade. O índice do grau de vulnerabilidade à erosão, após a aplicação das metodologias, apresentou o mesmo resultado para cada célula delimitada. Entretanto, estas áreas necessitam de estudos específicos integrados, os quais possibilitem compreender as condições e os processos atuantes sobre o capital natural, no intuito de buscar soluções para minimizar os problemas encontrados decorrentes do mau uso e da ocupação, com a finalidade de chegar a um equilíbrio ambiental. A aplicação dos resultados registrados pode subsidiar a elaboração de planos de ordenamento territorial das praias monitoradas, tendo em vista que na maior parte delas a urbanização é acelerada e desordenada.
doi:10.5380/dma.v38i0.46765 fatcat:kcjbtsmilvea5ajcwwnqi3hsmi