OSCILAÇÃO DA PRESSÃO EM TAHITI E SUA RELAÇÃO COM A VARIAÇÃO DO VENTO ZONAL NO BRASIL

André Gonçalo dos Santos, Luiz Carlo Baldicero Molion
2012 Revista Brasileira de Climatologia  
O objetivo deste estudo foi analisar o grau de associação entre a oscilação da pressão atmosférica ao nível do mar (PNM) em Tahiti e o vento zonal (VZ) em 850mbno Brasil. Para esse propósito, foi utilizado um conjunto de dados de reanálise do NCEP/NCAR de PNM e VZ, para um período que compreende duas fases da Oscilação Decadal do Pacífico (ODP), uma fase fria (1948-1976) e outra quente (1977-1998). Primeiramente, foi desenvolvida uma série temporal do Índice de PNM Padronizado em Tahiti (IPPT),
more » ... o em Tahiti (IPPT), que foi correlacionado com a variável acima mencionada sobre o Brasil. O software GrADS foi usado para confeccionar os mapas de coeficientes de correlação entre o IPPT e VZ. A correlação espacial foi feita para a variável em cada fase (fria e quente) da ODP separadamente, e foram encontrados valores de coeficientes de correlações diretas e inversas entre o IPPT e o VZ, superiores a 0,5 em algumas regiões, com nível de significânciaestatísticade até 99% em ambas as fases da ODP. Correlações adiantadas de até 5 meses também foram feitas entre o IPPT e o VZ, e os resultados sugeriram que o IPPT se adequou como bom previsor do VZ com até 5 meses de antecedência, com significância estatística acima dos 98% para algumas regiões da área de estudo. Deste modo, concluiu-se que é inegável a influência da oscilação da pressão do oceano Pacífico (Ilha de Tahiti) sobre a variação do vento zonal no Brasil, e tal informação ajudará no processo de planejamento das atividades agrícolas e sociais.
doi:10.5380/abclima.v11i0.28910 fatcat:vnbfdqwsyfbabp6ahuvizgpuze