Editorial

Antonio José de ALMEIDA, Antonio Luiz Catelan FERREIRA, Marcial MAÇANEIRO
2015 Pistis & Praxis: Teologia e Pastoral  
Editorial A presente edição de Pistis & Praxis pretende ser uma homenagem do Programa de Pós-Graduação em Teologia da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) ao Concílio Ecumênico Vaticano II (1962)(1963)(1964)(1965), por ocasião do seu cinquentenário. Sem prejuízo para outras agendas e perspectivas, o Vaticano II foino dizer de seus protagonistas, já em sua primeira sessão (1962)um "concílio da Igreja sobre a Igreja", realizando a seu modo o que antevira, em 1926, Otto Dibelius, ao
more » ... Otto Dibelius, ao afirmar que o século XX seria o "século da Igreja". Ao debruçar-se sobre a Igreja, em seu mistério fontal, em sua estrutura histórico-social, em seu horizonte escatológico, e em suas múltiplas relações com a sociedade e a história, o Concílio não podia deixar de considerar a questão dos ministérios. Na extensa e complexa produção do Vaticano II, de fato, o tema dos ministérios ocupa -no interior da eclesiologia conciliar -um lugar significativo, ainda que segundo, subordinado aos grandes temas da Revelação Divina, da Sagrada Liturgia, da Missão da Igreja no mundo. A constituição dogmática Lumen gentium dedica especificamente ao tema dos ministérios ordenados todo seu capítulo II, ao qual se ligam organicamente os decretos Christus Dominus (sobre o episcopado) e Presbyterorum ordinis (sobre o presbiterado); o diaconato, abordado formalmente em Lumen gentium 29, não foi objeto de um correlativo decreto próprio. Aos ministérios não ordenados, por outro lado, fazem-se referências pontuais em vários documentos conciliares.
doi:10.7213/revistapistispraxis.07.002.ed01 fatcat:7hjbppuumbgqboh43m3wgspeva