EXPERIENCIAS ACADÉMICAS Y BUENAS PRÁCTICAS EDUCATIVAS EN LA ENSEÑANZA DE LENGUAS INDÍGENAS, EN UNA UNIVERSIDAD DE BRASIL

Antonio Carrillo Avelar
2018 Articulando e Construindo Saberes  
RESUMOEste trabalho foi escrito como um símbolo de luta e conquista do quepodem ser boas práticas de ensino das línguas nativas do Brasil e doPortuguês. Concretiza-se a ilusão de que outras instituições dedicadas àformação de professores implementam processos acadêmicos semelhantesaos que foram colocados em prática. Este curso é chamado: EstudoComplementar: "Línguas Indígenas I, um membro da Licenciatura emEducação Intercultural Núcleo Takinahaky de Ensino Superior Indígena,da Universiade
more » ... a Universiade Federal de Goiás (UFG), Brasil. Aqui se abordaram osprocessos de construção social das línguas originais e do Português paratreinamentos "intelectuais indígenas" (Foucault, 1976), uma das etapas maisrelevantes e complexas de sua formação é decidir na etapa inicial de sualicenciatura. Este espaço académico se destaca por mostrar a importânciada redemocratização, do ensino do Português como uma estruturamorfológica e a abertura para a documentação das línguas indígenas comouma prática escrita e necessária para esses povos. Considera-se partir destamaneira, porque o Português é a língua que serve de comunicação entre osdocentes da universidade e os povos originários.
doi:10.5216/racs.v3i1.55393 fatcat:ioaxx7wmxzhy3mjiqn3u4kbdzq