MORFOMETRIA DE ANASTREPHA FRATERCULUS (WIED) (DIPTERA: TEPHRITIDAE) RELACIONADA A HOSPEDEIROS NATIVOS, MYRTACEAE

D.R.G. Pereira-Rêgo, S.M. Jahnke, L.R. Redaelli, N. Schaffer
2011 Arquivos do Instituto Biológico  
RESUMO A mosca-das-frutas, Anastrepha fraterculus, tem, como principais hospedeiros primários, frutos de Myrtaceae. O tamanho do inseto pode ser indicador de aptidão e fecundidade, sendo os estudos morfométricos utilizados para auxiliar nestas identificações. Este trabalho objetivou verificar a associação entre peso dos frutos, pupários e tamanho das asas das moscas-das-frutas que se desenvolveram em diferentes mirtáceas. Foram amostrados frutos de araçazeiro-amarelo, araçazeiro-vermelho,
more » ... iro-vermelho, goiabeira e goiabeira-serrana em cinco árvores de cada espécie. Os frutos foram pesados e os pupários oriundos destes pesados e individualizados. Registrou-se o número, sexo e área total da asa direita das moscas. Comparou-se o peso médio dos frutos, dos pupários e o tamanho de asas. O peso médio dos pupários foi maior em goiaba e araçá-vermelho. A maior área média de asa foi registrada nos indivíduos emergidos de goiabas e a menor, nos de araçá-amarelo. O peso dos frutos e dos pupários em araçá-amarelo, vermelho e goiaba-serrana não apresentaram associação significativa. Nas goiabeiras, a correlação entre o peso dos frutos e o dos pupários foi negativa. O peso dos frutos e a área da asa das moscas provenientes das espécies de mirtáceas não evidenciaram correlação. Os resultados indicam que a mosca é capaz de desenvolver-se de forma semelhante nas espécies de mirtáceas amostradas.
doi:10.1590/1808-1657v78p0372011 fatcat:bc63oflznrfg7cxncnhhc5kgoa