Alterações metabólicas, in vivo, induzidas por oclusão carotídea bilateral, no sangue e tecido ocular de ratos Wistar

Eliane Silva de Oliveira, Sérgio Botelho Guimarães, Daniel Duarte Gadelha, Anselmo Martins de Araújo Filho, Paulo Roberto Leitão de Vasconcelos
2003 Acta Cirurgica Brasileira  
OBJETIVO: Investigar as alterações metabólicas no olho e sangue arterial de ratos Wistar submetidos ao pinçamento bilateral das artérias carotídeas. MÉTODOS: Trinta e seis ratos machos adultos foram submetidos a dissecção (grupo-1, sham, n=18) ou dissecção+pinçamento (grupo-2, experimento, n=18) das artérias carotídeas comuns, sob anestesia geral. Após 30 minutos de isquemia (tempo 0) e durante a reperfusão (15-30 minutos) foram colhidas amostras de sangue arterial. Simultaneamente procedeu-se
more » ... amente procedeu-se a enucleação do olho direito. RESULTADOS: O aumento significante (p<0,05) das concentrações de piruvato tissular (tempo 0) no grupo-2 comparado ao controle sugere menor utilização do piruvato pelo tecido isquêmico. O aumento significante (p<0,05) do lactato tissular (grupo-2 versus grupo-1), no tempo 0, permanecendo elevado durante toda a fase de reperfusão, sugere uso continuado da via glicolítica anaeróbica, apesar da oferta de O2, nos tecidos lesados pela isquemia-reperfusão. Maior captação (grupo-1) pode ter sido a causa do aumento significante das concentrações de corpos cetônicos no olho, na reperfusão (15-30 minutos). CONCLUSÃO: A oclusão carotídea bilateral, durante 30 minutos, induz significativas alterações no metabolismo energético do tecido ocular, com manutenção da via glicolítica anaeróbica após restabelecimento do fluxo arterial.
doi:10.1590/s0102-86502003000400009 fatcat:qfyzqr2v25aq5euokzgm65js74