MADRID­72: RELACIONES DIPLOMATICAS Y JUEGOS OLÍMPICOS DURANTE EL FRANQUISMO

Juan Antonio Simón Sanjurjo
2012 Movimento (ESEFID/UFRGS)  
O objetivo do presente artigo é tentar compreender o papel desempenhado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros na candidatura de Madrid para acolher os Jogos Olímpicos de 1972. A documentação do Arquivo do Ministério de Relações Exteriores me permitiu analisar como esta instituição utilizou os embaixadores e diplomatas espanhóis para influenciar os membros do Comitê Olímpico Internacional (COI). Ao mesmo tempo, o artigo mostra a confrontação entre os membros do governo espanhol para dar
more » ... anhol para dar suporte à candidatura olímpica de Madrid.
doi:10.22456/1982-8918.35393 fatcat:ixfotdkqpjfdvpt7k22hojua2q