Higiene como prática individual e como instrumento de Estado

Rafael Mantovani, Maria Cristina da Costa Marques
2020 História, Ciências, Saúde: Manguinhos  
Resumo O estudo esboça algumas compreensões sobre a palavra "higiene". A partir do Renascimento, a ideia advinda da Grécia Antiga voltou a ser trabalhada, primeiramente como método para uma organização dietética e moral da vida que visava ao seu prolongamento. De uma espécie de cuidado de si, transformou-se em conceito de governança, cujo objetivo era o prolongamento da vida dos súditos/cidadãos. O debate teórico sobre o que era higiene pública mostra sua faceta eminentemente política: não
more » ... política: não apenas era um ramo da economia política, mas também eram analisadas as propostas dos higienistas de acordo com seu maior ou menor impacto na política. A batalha político-científica resultou na vitória de certas compreensões de ação estatal, e no esquecimento e na negligência de outras.
doi:10.1590/s0104-59702020000200002 pmid:32667602 fatcat:vokv7xhvhbdtbfzimxz3jmivku