LABORATÓRIO DE CIÊNCIAS NOS ANOS INICIAIS DO COLÉGIO PEDRO II - A EXPERIÊNCIA DA BIDOCÊNCIA

Marília Duarte Lopes Talina, Helena Amaral Fontoura
2020 Revista Ciências & Ideias ISSN 2176-1477  
Este artigo se propõe a apresentar a experiência da bidocência no ensino de Ciências nos anos iniciais do ensino fundamental no Colégio Pedro II, escola pública do Rio de Janeiro que utiliza esta estratégia metodológica desde 1985, apresentando-se como rico campo de pesquisa. O objetivo deste artigo é apresentar a bidocência como uma estratégia de ensino colaborativo a serviço do ensino de Ciências, visando desenvolver a alfabetização científica entre as crianças, desde o primeiro ano de
more » ... meiro ano de escolaridade. Este estudo define o conceito de bidocência, apontando sua origem na Educação Especial, baseando-se em referenciais teóricos como Beyer (2005), Tardif (2014), Argüelles et al. (2000) e apresenta os resultados da pesquisa descritiva, de cunho qualitativo que teve dados coletados através de entrevistas com docentes do Colégio Pedro II. Descreve também a dinâmica de trabalho da bidocência nas aulas de Ciências e proporciona uma breve análise sobre as relações no trabalho docente, apontando algumas questões associadas a gestão escolar que interferem nas escolhas pedagógicas. Os resultados da pesquisa indicam que embora a experiência da bidocência apresente limitações e dificuldades em sua implantação e manutenção, pode ser uma estratégia de ensino válida para o enriquecimento das relações pedagógicas trazendo contribuições para o processo ensino e aprendizagem de Ciências nos anos iniciais
doi:10.22407/2176-1477/2020.v11i1.1187 fatcat:a5raji3ej5d3rh24abobnysini