Intervenção fonoaudiologica baseada na perspectiva comportamental em transtorno global do desenvolvimento (tgd): relato de caso

Ana Paola Nicolielo, Bianca Lopes Rodrigues Gonçalves, Jordana Montenegro Prado Arruda, Simone Aparecida Lopes-Herrera
2014 Revista CEFAC  
O objetivo deste trabalho foi descrever um processo de intervenção fonoaudiológica focado na adequação das habilidades linguísticas, sociais e cognitivas de uma criança com Distúrbio de Linguagem como parte de um Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD), sob a perspectiva comportamental. A criança em questão era do gênero feminino e foi diagnosticada numa clínica-escola de Fonoaudiologia e encaminhada ao diagnóstico neurológico aos 2 anos de idade. Logo após o diagnóstico iniciou-se a
more » ... niciou-se a intervenção fonoaudiológica individual, com base numa perspectiva comportamentalista de base mais tradicional; no entanto, ao longo do processo, houve mudanças no direcionamento da intervenção, sendo aqui relatados os dois primeiros anos de intervenção e apresentados dados da reavaliação fonoaudiológica no início do terceiro ano de intervenção. Como resultado da intervenção, houve melhora da linguagem receptiva e expressiva, sendo que a criança apresentou evolução quanto ao aspecto comportamental e aquisição de habilidades comunicativas, associando respostas verbais à ações. Além disso, houve aumento do contato ocular e do tempo de atenção e de aspectos relacionados ao simbolismo. O caso foi descrito com a preocupação de deixar claro que nem sempre é fácil a identificação da melhor abordagem terapêutica para essas crianças logo no início do processo, sendo que as decisões acerca da abordagem adequada devem ser repensadas constantemente não somente em decorrência do diagnóstico em si, mas também das manifestações da sintomatologia geral e específica – que variam conforme o desenvolvimento da criança e a evolução do processo de intervenção. Essas decisões devem ser pautadas na experiência do profissional, mas também na expectativa e no limite de cada família.
doi:10.1590/1982-0216201423812 fatcat:o3lmptefzja2jf45avac2ixsiq