Adoecimento mental em comunidades rurais do município de Centenário: perspectivas histórico-sociais

Joice Schneider Marmentini
2017 Revista Latino Americana de Estudos em Cultura e Sociedade  
Este estudo busca identificar quais são os fatores socioambientais que levam ao adoecimento emocional/mental às comunidades rurais do município de Centenário, norte do Rio Grande do Sul. A pesquisa, caracterizada como qualitativa e exploratória, envolveu 16 participantes, os quais residem no meio rural do município, com faixa etária entre 20 e 80 anos, que possuem algum tipo de diagnóstico de adoecimento mental e que estavam no momento da pesquisa tomando medicamento para este fim. Compreender
more » ... e fim. Compreender quais são os fatores do adoecimento emocional exige um conhecimento acerca das relações que estas pessoas possuem com o meio em que vivem. Dessa forma, entende-se ser possível aprimorar as políticas públicas que atendam as demandas desta população que sofre e que necessita, além de um diagnóstico, de alternativas de tratamento e cuidados especiais no que diz respeito à saúde mental e a qualidade de vida das mesmas.
doi:10.23899/relacult.v3i3.858 fatcat:bobauu77uvgx3aac2qpyur5tyq