Fatores associados a gravidez não planejada entre gestantes de alto risco do HMIB

Mayra Martins Ribeiro Almeida, Débora Dornelas Belchior Costa Andrade, Fabíola de Fátima Sousa, Adriano Bueno Tavares
2020 Brazilian Journal of Development  
RESUMO Introdução: O planejamento familiar é respaldado por lei. Os trabalhos mostram que o início precoce da contracepção apresenta vantagens e facilidade em seu uso. Existem dificuldades na implementação dos métodos à população, comprovadamente pelo alto número de gestações não planejadas. Objetivo: O presente estudo teve como objetivo -avaliar o perfil das pacientes que apresentaram gravidezes não planejadas durante internação no HMIB apesar de apresentarem patologias prévias que poderiam
more » ... ias que poderiam complicar durante a gestação, o método contraceptivo em uso na concepção, o acesso as informações com respeito ao planejamento familiar. Método: Foi realizado um estudo através da avaliação prospectiva, longitudinal e descritiva de gestantes internadas no HMIB com patologias prévias a gestação. Foram avaliadas 180 pacientes gestantes com diagnóstico de patologias prévias à gestação de agosto a novembro de 2018. Resultados: A média da idade das participantes foi 31,22 anos. A média da idade gestacional foi 30,09 semanas. Os resultados foram associados, portanto, à falta de informação sobre a patologia prévia, aos riscos que uma gestação traria à paciente doente, à necessidade do uso de contraceptivos, à indicação e à maneira correta de seu uso. Palavras-chave: contraceptivos, gestação não planejada, patologias. ABSTRACT Introduction: Family planning is backed by law. The studies show that the early onset of contraception has advantages and ease in its use. There are difficulties in implementing the methods to the population, evidenced by the high number of unplanned pregnancies. Objective: The present study had as objective: the profile of the patients who presented unplanned pregnancies during HMIB hospitalization, the contraceptive method in use at conception, access to information regarding family planning and the relation of this to cases of high risk pregnancies in patients with previous pathologies. Method: A prospective, longitudinal and descriptive evaluation of pregnant women admitted to the HMIB with pathologies prior to gestation was performed. We evaluated 180 pregnant women diagnosed with pathologies prior to gestation from August to November 2018. Results: The mean age of participants was 31.22 years. The mean gestational age was 30.09 weeks. The results were associated, therefore, with the lack of information about the previous pathology, the risks that a pregnancy would bring to the sick patient, the need for contraceptive use, indication and correct use. INTRODUÇÃO O planejamento familiar (PF) é um direito amparado pela Constituição Federal, no artigo 226, parágrafo 7º e pela lei federal 9263, de 19961,2. A informação a cerca do PF é de extrema importância visto que possibilita ao cidadão exercer e reconhecer seus direitos reprodutivos, conhecer sobre os métodos contraceptivos e ter autonomia para escolher aquele de sua preferência2.
doi:10.34117/bjdv6n5-540 fatcat:qhmbl3ltvnfrdpuzd32eipu7mi