EFICÁCIA DE PROCEDIMENTOS DE SUPERVISÃO PARA CONSTRUÇÃO DE TRÍPLICE CONTINGÊNCIA DE REFORÇAMENTO

Tatiana Lance Duarte, Hélio José Guilhardi, Roberto Alves Banaco
2019 Brazilian Journal of Behavior  
Supervisão clínica é uma atividade que promove o aprendizado do repertório de identificar, descrever, intervir e analisar as contingências de reforçamento que operam na vida do cliente. A análise de contingências de reforçamento é a ferramenta básica do analista do comportamento clínico para alcançar o objetivo de descrever as relações funcionais entre o que a pessoa faz e sente e o ambiente ao qual responde. Para identificar qual a forma mais eficaz de ensinar o terapeuta a construir a
more » ... construir a tríplice contingência de reforçamento em sessão, foram elaborados três procedimentos de supervisão. Foram definidos três grupos experimentais, sendo cada grupo composto por dois terapeutas e uma única supervisora comum aos três grupos. No Grupo 1, a supervisora usou os três procedimentos: instrução verbal, instrução verbal acrescida de autoclíticos e instrução verbal acrescida de autoclíticos e modelo; no Grupo 2, a supervisora usou dois dos procedimentos: instrução verbal acrescida de autoclíticos e instrução verbal acrescida de autoclíticos e modelo; e, no Grupo 3, a supervisora usou um procedimento: instrução verbal acrescida de autoclíticos e modelo. Os resultados encontrados sugerem que o procedimento de instrução verbal acrescida de autoclíticos e modelo foi o mais eficaz sobre o comportamento do terapeuta.Palavras-chave: procedimentos de supervisão clínica; instrução verbal; autoclíticos; apresentação de modelo; terapia por contingências de reforçamento (TCR); tríplice contingência de reforçamento.
doi:10.18542/rebac.v15i1.8672 fatcat:o6wzth4swnhlbn6hgj7n7qpkri