Caracteres morfológicos de cafeeiro de porte baixo no primeiro ano de formação em Jaboticabal-SP

Matheus Grossi Terceiro, Flávia Constantino Meirelles, Adailza Guilherme Cavalcante, Fábio Luiz Checchio Mingotte, Leandro Borges Lemos
2019 Revista de Ciências Agrárias  
PALAVRAS-CHAVE Correlação Café arábica Cultivares KEYWORDS Correlation Arabic coffee Cultivars Caracteres morfológicos de cafeeiro de porte baixo no primeiro ano de formação em Jaboticabal-SP Morphological characters of small size Coffee tree in the first year of training in Jaboticabal-SP RESUMO: O Brasil é destaque mundial na produção de café perante a diversidade de condições edafoclimáticas que possui. A pré-seleção juvenil do cafeeiro, selecionando cultivares que possuem características
more » ... características desejáveis que se correlacionam com a produtividade, pode auxiliar na escolha da cultivar adequada para cada ambiente. Dessa forma, objetivou-se avaliar o crescimento e os atributos morfológicos de cultivares de cafeeiro de porte baixo no primeiro ano de formação nas condições edafoclimáticas em Jaboticabal-SP. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com dezoito cultivares e quatro repetições. Foram mensurados a altura de planta e o diâmetro de caule 60, 120, 180, 240 e 300 dias após plantio. O diâmetro da copa, a altura e comprimento do primeiro ramo plagiotrópico e o número de pares de folhas foram avaliados aos 12 meses após o plantio. As cultivares Catuaí Amarelo IAC 62 e Catucaí 2SL obtiveram maiores alturas de plantas. Os maiores diâmetros de caule foram observados nas cultivares IAC Ouro Amarelo, Obatã IAC 1669-20, Oeiras MG 6851, Pau Brasil MG1, Tupi IAC 125 e Catuaí Amarelo IAC 62. O diâmetro de copa foi superior nas cultivares IAC Ouro Amarelo, Catucaí 2SL, Sabiá, Catuaí Amarelo IAC 62, Sacramento MG1, Pau-Brasil MG1, Tupi IAC 125 e Tupi IAC 1669-33. As cultivares Oeiras MG 6851, Catuaí Vermelho IAC 99, Catuaí 2SL e Catuaí Amarelo IAC 62 apresentaram as maiores alturas do primeiro ramo plagiotrópico. O comprimento do ramo plagiotrópico e o número de pares de folhas por ramo, variáveis que contribuem com a produtividade, não diferiram entre as cultivares. ABSTRACT: Brazil is a world leader in coffee production due to the its diversity of soil and climatic conditions. The juvenile pre-selection of the coffee tree, selecting cultivars that have desirable characteristics correlated with productivity, can help in choosing the appropriate cultivar for each environment. Therefore, the objective of this study was to evaluate the growth and morphological attributes of coffee cultivars of small size in the first year of formation under edaphoclimatic conditions in Jaboticabal-SP. The experimental design was in randomized blocks, with eighteen cultivars and four replications. Plant height and stem diameter were measured at 60, 120, 180, 240 and 300 days after planting. The crown diameter, the height and length of the first plagiotropic branch and the number of leaf pairs were evaluated at 12 months after planting. The cultivars Catuaí Amarelo IAC 62 and Catucaí 2SL obtained higher plant heights. The largest stem diameters were observed in the cultivars IAC
doi:10.22491/rca.2019.3051 fatcat:6xnltbdwzzh3ldhdoyhq7fycdi