Loïe fuller - Vortex desafiador

Luciana Aires Mesquita, Verônica Fabrini
2017 Pitágoras 500  
O presente artigo realiza uma reflexão acerca da obra de Loïe Fuller no contexto de sua criação, estabelecendo conexões entre imagem, imaginação e imaginário a partir da recepção de sua obra. Considerando sua influência icônica no movimento simbolista, busca-se estabelecer a centralidade matricial da imagem como elo entre obra e recepção e entre Arte e Sociedade.
doi:10.20396/pita.v7i1.8650800 fatcat:lspinkh66vc6xf7hs2q63bafbi