Os bibliotecários e os profissionais independentes em informação à luz da nova classificação brasileira de ocupações (CBO 2002) 10.5007/1518-2924.2004v9n18p107

Edmeire Cristina Pereira, Ângela Maria Oliveira
2007 Encontros Bibli  
RESUMO Apresenta as questões relacionadas aos bibliotecários e aos profissionais independentes em informação no contexto da Classificação Brasileira de Ocupações (CBO 2002). Apresenta um histórico da CBO e demonstra que os profissionais independentes não foram contemplados nesta nova CBO, e se, de um lado, as universidades tentam formar profissionais com características que o mercado exige, a legislação não foi modificada. PALAVRAS-CHAVE: Profissionais Independentes em Informação. Classificação
more » ... ação. Classificação Brasileira de Ocupações. Bibliotecário. Profissional da Informação. INTRODUÇÃO A Biblioteconomia é uma das profissões mais tradicionais e requisitadas, onde quer que existam registros culturais, científicos, filosóficos, religiosos, políticos, sociais, etc. para serem armazenados e preservados pelas comunidades civilizadas. Porém, não é nosso objetivo aqui, discuti-la em termos de sua relevância e propósito, mas sim, os novos profissionais independentes em informação que, a cada dia que passa, se tornam, também, mais requisitados pela atual Sociedade do Conhecimento. A presente proposta parte do pressuposto de que o paradigma predominante, nos dias de hoje, em Ciências da Informação, é o do acesso democrático aos estoques de informações/documentos e, não mais, tão somente, a guarda e conservação eficientes desses estoques (acervos). No entanto, não estamos querendo nem subestimar, nem minimizar a relevância da Gestão de Documentos, principalmente, no tocante aos acervos de instituições culturais, tais como: Arquivos, Bibliotecas e Museus. Pelo contrário, desejamos que os especialistas dessas áreas consolidem cada vez mais os seus espaços de atuação profissional, Enc. Bibli: R. Eletr. Bibliotecon. Ci. Inf., Florianópolis, n.18, 2º sem. 2004 107 ABSTRACT It presents the questions related to the librarians and the independent professionals in information in the context of the Brazilian Classification of Occupations (CBO 2002). It presents a description of the CBO and demonstrates that contemplated the independent professionals not form in this new CBO, and if of a side the universities try to form professionals with characteristics that the market demands, the legislation were not modified.
doi:10.5007/1518-2924.2004v9n18p107 fatcat:uyflqihijjfmvk4bfniju5i7jm