Alta pressão hidrostática, campos elétricos pulsados e plasma frio na cadeia produtiva de alimentos: Princípios e aplicabilidade industrial

Maristela Mendes Aguiar, Glaucia Moreira de Almeida, Wander Luiz de Camargo Filho, Denes Kaic Alves do Rosário, Liliane Andrade Araújo, Emiliane Andrade Araújo Naves
2021 Research, Society and Development  
A busca por tecnologias não térmicas vem alcançando espaço no mercado devido às mudanças dos hábitos alimentares dos consumidores e a preocupação da preservação do meio ambiente. Esta tecnologia é altamente vantajosa para a descontaminação microbiana de produtos alimentícios, incluindo esporulados e micro-organismos patogênicos. Neste contexto, esta revisão objetivou um estudo sistemático da literatura sobre as principais tecnologias não térmicas, utilizando as bases de dados da Science Direct
more » ... da Science Direct e Web of Science, com a palavra-chave "non-thermal technologies". Os artigos selecionados foram submetidos para análise no software Vosviewer. Após interpretação dos mapas de densidade obtidos no software percebeu-se que as tecnologias não térmicas mais estudadas, nos últimos cinco anos (2015-2020), foram as tecnologias de alta pressão hidrostática, campo elétrico pulsado e plasma frio. Os principais destaques das tecnologias foram a (i) redução da carga microbiana no alimento, sendo a estrutura celular um fator importante na inativação dos micro-organismos, bem como (ii) a necessidade de aplicações industriais mais sustentáveis, demandando novas tecnologias no mercado.
doi:10.33448/rsd-v10i2.12670 fatcat:ron4pwdpjza6jhudop36h6sre4