An interdisciplinary approach to the electrochemistry at solid electrodes

A.J. Arvia, R.C. Salvarezza
1997 Journal of the Brazilian Chemical Society  
Re ceived: Oc to ber 15, 1996 Um enfoque interdisciplinar na eletroquímica em eletrodos sólidos é apresentado levando-se em conta no vas interpretações básicas, tanto para o crescimento de fases quanto para a perturbação de fases sob condições longe do equilíbrio. Para esse propósito, os da dos de imagens derivadas de microscopia de tunelamento por varredura (STM) e de microscopia de força atômica (ATM) em diferentes escalas de comprimento, se tornam extremamente úteis. Esse enfoque proporciona
more » ... enfoque proporciona no vas visões no desenvolvimento de rugosidade, decaimento de rugosidade e reatividade em eletrodos sólidos. O estudo de in ter faces móveis por aplicação sequencial de da dos de STM in situ e a interpretação baseada na teoria da escala dinâmica fornece uma descrição qualitativa e quantitativa das irregularidades da superfície, e provê informações sobre o mecanismo de evolução da in ter face sob re gimes estacionários e não-estacionários de rugosidade. Vários exemplos de interesse eletroquímico são discutidos na base deste enfoque interdisciplinar. An in ter dis ci plin ary ap proach to the elec tro chem is try at solid elec trodes is pre sented here tak ing into ac count new ba sic in ter pre ta tions for ei ther phase growth or phase dis rup tion un der con di tions far from equi lib rium. For this pur pose im ag ing data de rived from scan ning tun n eling mi cros copy (STM) and atomic force mi cros copy (AFM) at dif fer ent scale lengths are extremely use ful. This ap proach pro vides new in sights into rough ness de vel op ment, rough ness de cay and re ac tiv ity at solid elec trodes. The study of mo bile in ter faces by the se quen tia l ap plica tion of in situ STM data and an in ter pre ta tion based on the dy namic scal ing the ory fur nish a qual i ta tive and a quan ti ta tive de scrip tion of sur face ir reg u lar i ties, and pro vide in for ma tion about the in ter face evo lu tion mech a nism un der steady and non-steady rough ness re gimes. Vari ous ex am ples of elec tro chem i cal in ter est are dis cussed on the ba sis of this in ter dis ci plin ary approach.
doi:10.1590/s0103-50531997000200002 fatcat:6nn3wxju6fa2xo2g55sw2eh2ui