Efeito de dias longos no crescimento e florescimento de cultivares de café

L. C. Monaco, H. P. Medina Filho, R. Söndahl, M. M. Alves de Lima
1978 Bragantia  
Informações iniciais indicavam que o cafeeiro arábica comportava-se como planta de dias curtos. Crescimento vegetativo mais intenso e inibição de florescimento são a conseqüência de exposição a dias longos, superiores a 14 horas. Dados recentes demonstram que essa reação não é tão clara. No presente estudo são apresentados dados relativos a ensaios realizados visando estabelecer a reação de plantas dos cultivares mundo novo, catuaí-amarelo, burbom-vermelho, geisha e semperflorens a fotoperíodos
more » ... de 12 e 18 horas. Os resultados indicaram que 18 horas de luz induzem crescimento mais intenso na altura e número de internódios. O florescimento não foi afetado pelo comprimento do dia, embora os cultivares tenham reagido com diferentes intensidades. É sugerido que o cafeeiro, uma vez induzido, independe de novos períodos de indução. O efeito parece permanecer por longo tempo. A idade dos tecidos parece ser elemento determinante na capacidade de indução e diferenciação das gemas florais.
doi:10.1590/s0006-87051978000100004 fatcat:sao55bzuojab3gmbvyjnyrzsoq