Acidentes por motocicleta e fatores associados à condição de habilitação dos condutores

Flávia Emília Cavalcante Valença Fernandes, Rosana Alves de Melo, Fernanda De Souza Andrade Araújo, Félix Kaique Bernardo Borges, Odair Queiroz de Holanda, Maria Elda Alves de Lacerda Campos
2019 Arquivos de Ciências da Saúde  
Introdução: os acidentes de transporte terrestre representam importante causa de morbimortalidade sendo as motocicletas, os veículos mais envolvidos nas ocorrências. Nesse sentido, ganha relevância o condutor e sua preparação em conduzir o veículo por meio da habilitação. Objetivo: verificar a prevalência de acidentes em condutores de motocicleta e os fatores associados à condição de habilitação. Métodos: estudo transversal, com abordagem quantitativa, tendo amostra composta por 281 pacientes
more » ... por 281 pacientes selecionados de forma não probabilística em um Hospital Universitário do sertão pernambucano, no período de dezembro de 2015 a fevereiro de 2016. A coleta de dados se deu por meio da aplicação de um questionário face a face. Foram utilizadas variáveis relacionadas às vítimas e ao acidente. Resultados: A maioria dos pacientes era homem (91,5%), com média de idade de 34,7 anos, casados ou em união estável (50,2%), e com filhos (68,7%). A maioria dos acidentes ocorreu no turno da noite (41,3%). As motocicletas tinham cilindrada igual ou superior a 125 (88,1%) e os condutores eram os proprietários do veículo (79,0%). Mais da metade dos condutores era inabilitada (58,7%). Com relação a esse grupo sobressaiu a baixa escolaridade (74,8%), a queda (48,7%) como causa principal do evento e a zona de ocorrência rural (68,9%). Para os habilitados, predominaram as colisões (64,6%) e a zona de ocorrência urbana (57,7%). Conclusão: Os acidentes envolvendo motocicleta apresentam alta prevalência em homens adultos-jovens, não habilitados, havendo diferença significativa para baixa escolaridade, a renda mensal inferior a um salário mínimo, a ocorrência zona rural. Nos dois grupos, os veículos utilizados eram motocicletas de 125 cilindradas ou mais, sendo os condutores os proprietários do transporte. Palavras-Chave: Condução de Veículo; Prevalência; Acidentes de Trânsito
doi:10.17696/2318-3691.26.2.2019.1500 fatcat:nrt3ywmu7zeypp5fisoanyfuq4