Consumo de Pornografia e Relacionamento Amoroso: uma Revisão Sistemática do Período 2006-2015

Cynthia Perovano Camargo Baumel, Valeschka Martins Guerra, Agnaldo Garcia, Alini Gusmão Rosário
2020 Gerais  
___________________________________________________________________________ Resumo Trata-se de revisão sistemática para investigar as definições de pornografia utilizadas por pesquisadores e os efeitos do consumo desse material nos relacionamentos amorosos. Buscaram-se artigos teóricos ou empíricos, nos idiomas espanhol, inglês e português, publicados em periódicos nacionais e internacionais, indexados nas plataformas eletrônicas Doaj, SciELO e Scopus, que contivessem, em qualquer parte do
more » ... lquer parte do texto, os termos "pornografia" e "relacionamento". Retornaram 433 documentos que, aplicados os critérios de inclusão e exclusão, resultaram em 45 artigos. Na amostra estudada, material sexualmente explícito parece ser a definição mais aceita de pornografia. Em relação aos aspectos negativos percebidos do consumo de pornografia ao relacionamento, foram elencadas as categorias: prejuízos à saúde, prejuízos ao relacionamento, violência contra as mulheres e aspectos socioculturais. Em relação aos aspectos positivos, foram levantadas as categorias: sexualidade, desenvolvimento pessoal e benefícios ao relacionamento. Os possíveis impactos do consumo de pornografia nos relacionamentos são ainda bastante imprecisos e ambíguos. Palavras-chave: Pornografia. Relacionamento. Casal. Sexualidade. Revisão. Abstract This systematic review aims to investigate pornography definitions used by researchers and the effects of the consumption of this material in romantic relationships. We searched for theoretical or empirical papers published in Brazilian and international journals indexed in the DOAJ, SciELO and Scopus electronic platforms, which contained, in any part of the text, the terms "pornography" and "relationship" in Spanish, English or Portuguese. This search resulted in 433 documents that, after application of the inclusion and exclusion criteria, resulted in 45 papers. Within the sample, sexually explicit material seems to be the most accepted definition of pornography. Regarding the perception of negative aspects of pornography consumption on the relationship, the following categories were listed: health damage, relationship impairment, violence against women and social and cultural aspects. In relation to the positive aspects, the categories surveyed were: sexuality, personal development and benefits to the relationship. The possible impacts of pornography consumption in relationships are still quite vague and ambiguous.
doi:10.36298/gerais2020130103 fatcat:36vlwb5i5zgavmchjowinqq57e